Conhece a Bomba Centrífuga Magnética da Pronex?

Nossas Bombas Magnex, são diferenciadas a qualidade inconfundível dos nossos equipamentos também estão presentes em nossa MagNex, ela é utilizada na transferência de fluidos químicos altamente agressivos, ela pode ser fabricada em Polipropileno e PVDF além disso sua grande vantagem é seu funcionamento sem selo mecânico o que possibilita uma segurança operacional, sobretudo quando há bombeamento de produtos químicos perigosos, e como ela funciona sem o selo mecânico?
Internamente ela possui um ímã montado no eixo, acionado ele é suportado pelo conjunto de buchas e assim é perfeitamente fechado por uma concha de contenção. Além disso, com acionamento magnético, o seu funcionamento se baseia em usar um campo magnético criando a rotação do propulsor (ou outro dispositivo encarregado de transferir ou deslocar o fluido).
Uma Bomba centrífuga é uma Bomba de acionamento magnético, isso indica que o fluido é succionado pelo sistema e sai em um ponto diferente. Assim que o fluido entra na bomba, ele é lançado para fora do impulsor e em seguida para uma câmara de descarga. Com isso, a rotação do impulsor acaba fazendo com que o líquido aumente sua energia, aumentando desse modo a quantidade de pressão na qual o líquido é descarregado da bomba. Esse aumento de pressão é o que mantém o fluido em movimento.

 

Qual a história da Bomba Centrífuga?

As Bombas Centrífugas acabaram sendo idealizadas muito antes dos motores elétricos, e eram usados na época a qual o vento que fazia a roda d’água girar o rotor. De acordo Ladislao Reti, um famoso engenheiro químico italiano que estudou muito sobre as tecnologias industriais, a primeira bomba centrífuga foi mencionada por volta de 1475, em escritos e registros do engenheiro italiano Francesco di Giorgio Martini.
Porém as bombas centrífugas como conhecemos hoje demoraram para aparecer, temos registros do fim do século XVII, quando Denis Papin foi responsável por ser o inventor do ventilador centrífugo de pás retas conhecido como fole de Hesse. A real fabricação desse tipo de equipamento só começou a se desenvolver no início do século XIX, nos Estados Unidos. A dinâmica das palhetas do rotor foram adicionadas pelo inventor John Appold em 1851 na Inglaterra. Esse equipamento se popularizou na Europa e nos EUA no último quarto do século XIX, quando diversos fabricantes passaram a produzir.

Você utiliza Bombas Centrífugas em seu processo? Ou, gostaria de saber se esse equipamento se aplica em seu processo industrial?
Entre em contato com os Engenheiros da Pronex, estamos prontos para atendê-lo, dimensionando os equipamentos da melhor forma!
Telefone: 114114-9633


COMPARTILHAR:


Posts relacionados
Quais equipamentos são usados no processo do leite?
Quais equipamentos são usados no processo do leite?
Você conhece nossos sistema CIP?
Você conhece nossos sistema CIP?